A exposição “Misunderstandings”, realizada conjuntamente pela galleria Campo (Roma) e o Le FRAC Centre (Orleans, França), foi pensada como um experimento sobre como deve ser um acervo histórico e como a prática arquitetônica contemporânea pode abordá-lo.

Para fazê-lo, doze arquitetos e artistas foram convidados a fazer um projeto a partir de um desenho da coleção Le Frac. Guiados apenas pelo poder conceitual e plástico dos desenhos, a interpretação esteve aberta a todos os “mal-entendidos”, como erros científicos e inadequações históricas.

Um dos doze trabalhos que compõem a mostra é o nosso A Grelha. Publicamos aqui partes deste desenho de quatro metros lineares; uma sequência foi feita a partir de um díptico provido pelos curadores no qual fizemos intervenções para criar uma paisagem “palafitada” que corrompe o desenho original.

Mais sobre os desenhos na postagem “The Grid: paisagem de vazios colonizadores”.