No Recife, Tamarineira é sinônimo de doido. O Hospital Psiquiátrico da Tamarineira foi construído no século XIX e desde então foi estigmatizado pela população local. Nossa proposta para o concurso nacional do Parque da Tamarineira aposta numa vertente já observada nos últimos anos: a tendência de aproximação entre o Hospital, o bairro e a cidade. Questionando as práticas espaciais empregadas em tratamento psiquiátricos, é um projeto que insere usos esportivos, educativos e culturais no Parque e no edifício do Hospital, corroborando a idéia de abrir esta instituição para o Recife e valorizá-la com um novo paisagismo que complementa e aceita a vegetação arbórea existente.

Com temas tais como o doente mental e sua relação com a sociedade, representação de um centro cirúrgico, mostruário de instrumentos usados em psiquiatria, descrição das formas de tratamento do interno etc.; o Museu da Loucura seria instalado junto ao centro vocacional/cultural e ao Hospital.